#Artmobile no TEDxSãoPaulo

Neste último sábado, 12 de agosto, vivi uma das experiências mais emocionantes à frente do projeto #Artmobile.
Fui convidado à falar no TEDx São Paulo para aproximadamente 10 mil pessoas, no estádio do Allianz Parque por 12 minutos, sobre essa inovação social que já se propagou em 5 idiomas, 7 países: Tanzânia, Etiópia, Israel, Palestina, Marrocos, Uruguai, Brasil e desde de 2011 vem transformando a vida de muitos jovens através de uma ferramenta democrática presente no dia-a-dia de todos nós: o telefone celular.
20800341_10210363497994870_1588837232510459474_n20728318_10210355279709418_1133552448798542513_n20841827_10210363497594860_2079154122159810252_n
Para quem não conhece, o TED é uma organização mundial sem fins lucrativos que, por meio de eventos, seleciona ideias que merecem ser espalhadas. Para isso, são promovidas pequenas palestras, de 18 minutos ou menos, com mensagens poderosas e tocantes.
O TEDx é um evento local, também com a licença TED, mas organizado de uma forma independente. Muitos deles são temáticos e o último foi sobre educação.
Acho que foram os 12 minutos mais longos da minha vida, falando pra tanta gente. Na cabeça passava a imagem em câmera lenta de cada jovem, todas as comunidades visitadas e cada trabalho realizado nesses 6 anos de projeto. Sempre com o foco em passar uma mensagem clara: é possível fazer arte com o celular que está no seu bolso! Podemos fazer vídeos, fotos, pintura, música, roteiro, poesia e até esculturas com as peças recicláveis. E além disso, na escola o celular pode ser uma ferramenta autêntica de inclusão digital, empoderamento e auto-expressão entre os jovens.
E ninguém melhor naquela noite para me ajudar a contar essa história do que alguns jovens que não sabiam o que fazer com o celular, antes da experiência #Artmobile:
Mas, o mais emocionante foi reservado para o final, quando repeti a mesma pergunta que fiz na primeira turma do #Artmobile na Tanzânia, África Oriental em 2011: “Quem aqui tem telefone celular? Eu posso ver? Vocês podem ligar a lanterna dos seus celulares? Tira o celular do bolso TEDx!!”
E de repente, vi 10 mil celulares iluminando um estádio, mostrando o que podemos fazer juntos.
20729230_10210363497554859_8858789211628218895_n
Captura de Tela 2017-08-13 às 20.53.04
20728146_10210356231013200_3380835273761526766_n
Foi uma das experiências mais emocionantes da minha vida profissional e da história do #Artmobile.

Parabéns aos organizadores, voluntários, palestrantes, apresentadores, todo mundo!

E obrigado por essa oportunidade inesquecível!

20953765_10210389296959828_3916266783974216179_n

#Artmobile é um projeto de inovação social que ensina jovens ao redor do mundo a produzir arte com uma ferramenta que está sempre presente: o telefone celular.

ARTE COM O CELULAR QUE ESTIVER NO SEU BOLSO!

O projeto existe desde 2011 e tem como objetivo levar inovação social, sem fins lucrativos, a quem não teve tantas oportunidades pelo caminho. Os participantes são incentivados a produzir conteúdo artístico e tecnológico inovador com o celular. E não importa o modelo que estiver no bolso. Do mais simples ao de última geração. Para os jovens, uma oportunidade de se expressar com o aparelho que está o tempo todo nas mãos.

https://artmobileproject.com/about/

#inspiração #transformação #TEDxSãoPaulo #Artmobile

 

 

 

TEDXSP

 

Giuliano Chiaradia é fundador do coletivo Set Experimental e Diretor Criativo Multiplataforma com 20 anos na Indústria do Entretenimento e Marketing na América Latina.

Ex-diretor e autor da Rede Globo de Televisão, responsável pelos primeiros projetos de transmídia da emissora, ex-criativo da MTV/Nickelodeon no Brasil e nos Estados Unidos.

Empreendedor e consultor multidisciplinar de conteúdo para grandes empresas integrando significado às novas tecnológicas trabalhando com grandes produtores em todas as plataformas.

Master Class em Inovação Digital pela escola sueca Hyper Island. Especialização em Novas Mídias pela Coppead Business School UFRJ, no Rio de Janeiro. Extensões em cinema e TV na Itália, Cuba e nos Estados Unidos.

Artista residente da La Chambre Blanche, centro multidisciplinar de arte e tecnologia em Quebéc.

Idealizador do projeto #Artmobile, inovação social que ensina jovens ao redor do mundo a fazer arte com o telefone celular.

 

Advertisements